"Meus Pensamentos"

domingo, 13 de outubro de 2013

A cura

É tão estranho achar que essa inércia é normal,é tão estranho querer e ter que abandonar,mas o mais estranho mesmo e ter que narrar isso tudo,mas pensando bem prefiro narrar a ter que interpretar,eu já interpretei e não gostei.É realmente como as pessoas dizem,todo mundo passa por isso e pra falar a verdade entre permanecer intacta e arriscar,eu escolhi arriscar e não foi tão ruim assim e observei que na mesma escada que subi alguns degraus,foi a mesma em que regredi e confesso que ter que subir nela novamente me assusta,porque cada degrau eu conheço muito bem,mas ao tentar novamente posso cometer os mesmos pecados,e entre escadas que subi e milhas que percorri,ainda sim tenho tanto,tanto á fazer,mas estou tão cansada,tão desgastada,logo no início de tudo.A paciência e a calmaria me abandonaram logo agora...mas não é de fragilidade nem de descaso que descrevo aqui e sim de merecimento,não sei se erro ao pensar que em tudo temos que ser recompensados,depois dessas supostas "quedas",tudo o que mais se quer é uma boa recompensa que amenize tudo que ficou,mas percebi que isso é outro mérito e não quero me aprofundar neste.Eu queria não saber de tantas verdades,mas especificamente "daquela verdade",nem ao menos nisso foi poupada,não estou aqui para julgar ninguém,mas se a intenção era não realizar,era melhor nunca ter mencionado,na verdade mesmo era melhor eu não ter acreditado,mas o que importa mesmo é que o que bate com tanto vigor,agora está fechado,e finalmente eu entendi,essa é a cura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário